Cânticos

 

Os cânticos que figuram na página seguinte, tiveram como modelo o livro de cânticos da paróquia.


:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::


De onde estás conetado?

 

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

Site oficial

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::


 

HISTORIAL

(1976-2004) 

Os cânticos apresentados nesta página foram compilados com vista, por um lado, a abranger o maior número possível e, por outro, a respeitar fielmente os «originais» existentes atualmente no repositório da paróquia.

Estes cânticos reportam-se a três décadas (1976-2004), período correspondente ao tempo de que permaneci no grupo, concretamente no que ajuda a animar as celebrações de domingo ao meio-dia.

Todas as partituras tiveram que ser convertidas e transpostas para suporte digital antes de serem  disponibilizadas na Internet. Algumas delas e, principalmente  devido ao seu estado de conservação, poderão conter erros, não obstante o cuidado que tive em os evitar.

Agradeço, desde já aos visitantes desta página, que me informem, caso detectem algum erro na transcrição dos cânticos.

Da mesma forma e para os cânticos poderem ser escutados, foi criada uma versão áudio em formato midi (áudio digital sintetizado) para a maioria das partituras convertidas.
Tratando-se de  versões instrumentais, poderão ser uma ajuda na aprendizagem.

Existiu sempre a preocupação de respeitar, dentro do possível, a forma viva e alegre como são interpretados nas eucaristias, tanto nos andamentos como nos ritmos.

Pedro Caetano, Maio/2004


O "Hino Paroquial" composto pelo diácono Valinho, que, em 1970, foi o principal orientador do grupo coral da nossa igreja.

(clique na foto)


 

 

 

Bem vindo

A criação desta página teve, como primeiro objetivo, divulgar o extenso espólio de cânticos da igreja paroquial de Algueirão-Mem Martins, recolhidos ao longo de praticamente quatro décadas e, em segundo lugar, colmatar uma lacuna.

 

De facto, acreditando em pesquisas efetuadas na Internet, e a nível nacional, verifiquei que muito pouco havia sido publicado no mundo virtual (até à data de criação do site), dedicado a este tipo de compilações.

 

Encorajados ou não por esta iniciativa pioneira, outros se empenharam na criação de sítios semelhantes, tornando possível o alargamento e divulgação de um património que a todos é comum enquanto Igreja.

 

A este propósito, convém sublinhar, que a partir de 2013, altura em que o site foi reestruturado, foi possível a inclusão de novos cânticos, com partituras e ficheiros midi recolhidos de outros sites que entretanto apareceram, tendo respeitado, neste caso, as suas formatações originais (partituras e midis).

 

Existindo, atualmente, sítios que disponibilizam idêntico tipo de conteúdos, deixou de fazer sentido a tarefa de compor novas partituras ou versões midi para os cânticos que ainda as não têm. Mais não se trataria do que uma versão "cópia personalizada" do que já existe. Assim sendo, a minha preocupação estará focada na inclusão de partituras e/ou midis para os cânticos que ainda não possuem as respetivas versões.
 

Uma nota final para vos informar que o servidor que alojava a página, gratuitamente, deixará de garantir o serviço a partir do próximo mês de setembro/14. Assim sendo, agradeço que me informem por e-mail caso tenham qualquer problema em aceder ao sítio que se encontra alojado num novo servidor.

 

 

 

 

Instruções de navegação na página Cânticos:

Na página «Cânticos» encontram-se disseminados alfabeticamente os cânticos que constam do livro da nossa Paróquia, assim como cânticos mais recentes que não constam desse livro (1.ª coluna).

O nome dos cânticos do único livro existente na paróquia ou dos cânticos mais recentes, tem associado um link para a sua Partitura em formato pdf (1.ª e 2.ª colunas).

A 3.ª coluna contém os cânticos do espólio sem a respetiva partitura.

O botão permitirá ouvir o cântico no player sem necessidade de sair da página.

Poderá guardar o cântico pretendido, bastará premir o botão direito do rato em cima do nome e, no menu descritivo, selecionar a opção "guardar destino como".

 

Nota – Se estiver com problemas na visualização desta página, no Internet Explorer, opte por navegar em modo de compatibilidade.

 

DESTAQUE

  • Celebrou-se no dia 15 de Agosto de 2010, o cinquentenário da inauguração da Igreja Paroquial de Algueirão-Mem Martins e Mercês, facto a que não podia deixar de fazer referência.

  • Tratando-se do ano jubilar da nossa igreja paroquial, esteve em marcha uma campanha ("Uma Obra de Todos Para Todos") para angariação de fundos, desafiando os paroquianos a oferecerem um valor por uma ou mais unidades de alguns dos materiais empregues na restauração da igreja.

  • Sendo uma obra sem precedentes (há muito necessitada), tanto exteriormente como no seu interior, o seu custo foi bastante avultado, tornando imprescindível a nossa colaboração.

  • Neste sentido, é frequente realizarem-se campanhas de angariação de fundos para ajuda ao pagamento das obras bem como à realização de dois grandes "sonhos": a construção da igreja de Mem Martins, já alicerçada, e a futura igreja das Mercês.

  • Sendo-lhe solicitado, ou não, é importante poder contar com a tua generosidade.

Pormenor da celebração eucarística

Veja aqui algumas das fotos da festa do jubileu (SMA - site externo).

 

 © Copyright sob

Creative Commons License
 Licença Creative Commons.